Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Impala’ Category

Olás, Frazets!

Amiga minha (oi, Vê!) comprou a coleção Impala Tropicaliente, e louca que sou tratei de fazer os swatches na hora que ela me mostrou! Isso significa que, no meio da sala de aula* tava eu lá, removendo o esmalte com lencinhos Oceane pra passar a coleção hahahaha! Tá faltando o Biquíni Vermelho, mas né, tá pra nascer um vermelho novidade.

As fotos ficaram bem meia boca, foi meio na pressa porque eu estava no metrô com uma mão sem esmalte e a outra… Bom, vocês vão ver.

Vamos às fotos!

Água Fresca, Palmeira Tropical, Pôr do Sol, Amor de Verão e Cajá Manga

Água Fresca, Palmeira Tropical, Pôr do Sol, Amor de Verão e Cajá Manga

Pense na pessoa com cada unha de uma cor e a outra mão sem nada, que beleza! Aí eu chego na casa do namorido e tem um monte de gente por causa do aniversário da tia. Vergonha mode on!

Água Fresca – Azul acesinho. Não gostei, achei meio esquisito, não combinou com meu tom de pele e não acredito que vá combinar com qualquer outro tom.

Palmeira Tropical – Verde entre o Sereia e o Hits 217 (que você pode ver aqui, ó). Bonito, mas mancha horrores!

Pôr do Sol – Coral bem alaranjado, muito bonito, irmão do meio entre o Aleixo e o Prazeres (ambos Impala).

Amor de Verão – Rosa Creuzo! Pink fofo com brilhos pink! Achei creuzo mas bem digno.

Cajá Manga – Amarelinho com brilhos dourados, como se usasse a cobertura transformadora da cor Colorama dourada em cima de algum amarelo. Super fofo!

Mais fotos:

Um pouco mais claro - o Pôr do Sol tá mais fiel

Mais uma foto no metrô 😀

Ó o Palmeira Tropical como mancha!

Ó o Palmeira Tropical como mancha!

Pelas fotos dá pra ter uma ideia de como essa coleção está! Eu aposto no amarelo e talvez no rosa pra quem ainda tem medo de se arriscar em cores diferentes. O resto a gente já tem por aí alguns bem similares.

Mas ah, Tropicaliente? Que nome, hein Impala? Acho que todo mundo quando lê o nome lembra da mesma coisa, né? Hahahahaha!

Ela comprou numa perfumaria de bairro (mais exatamente no Bom Retiro), creio eu que já deve ter em vários lugares! É, eu tô dando um tempo de frequentar perfumarias, sabe como é…

Obrigado Vê por emprestar duas pinceladas de cada esmalte, obrigado namorido por tirar as fotos pra mim ^^

Espero que tenham gostado!

Sandrinha =**

*Eu me formei mas fui buscar uns documentos na faculdade, aí já viu.

Anúncios

Read Full Post »

Bom dia frazets!!!

Domingo me deu uma vontade louca de fazer uma misturinha. Não sei se acontece com vocês, mas de vez em quando me dá a louca e eu tenho vontade de criar uma cor nova. Nova pra mim, né? Dessa vez foi baseada no Snowcone, da Orly (procurem aí). É um azul pastel mas não bebê. É lindo. E eu resolvi arriscar.

Eu comecei limpando um vidro de esmalte branco da Impala super vencido. Como eu tinha pouca acetona, usei solvente de tinta mesmo.

Solvente Acrilex

Solvente Acrilex

Faz bem? Faz mal? Não sei. Na dúvida eu limpei o vidro com o solvente da Acrilex e depois de super limpo, sem resquício de esmalte, eu limpei com acetona, ou seja, eu tirei o solvente da Acrilex com acetona, que a gente já sabe que pode ir na unha. Pronto, vidro limpo, vamos às cores.

Minhas misturinhas eu faço numa placa de cerâmica. Pingo as cores proporcionalmente (tipo duas gotas de branco e uma de azul), misturo com palito de unha e com ele mesmo passo na unha pra testar a cor.

Base azul e branca da misturinha no centro, testes nas laterias.

Base azul e branca da misturinha no centro, testes nas laterias (não repara no meu dedo medonho sem esmalte)

Eu começo escolhendo a base, nesse caso azul. Eu queria uma coisa inspirada na linha Sweet Collection da Orly, e me apaixonei pelo roxo do dedo feio (heh), mas acabei fazendo outra. E como eu misturo na placa de forma proporcional, a receita vai ser em proporções, ok? Vamos à receitinha:

Base:

– duas partes de branco corretivo (eu usei o Pétala Branca, da Colorama)

– uma parte de azul tinta de caneta (eu usei o Celeste, da Mohda, mas pode ser qualquer azul que não tenha fundo de outra cor)

Pra ajudar a misturar eu coloquei duas miçangas grandes dentro do potinho, mas não sei precisar se funcionou ou não 😀

Para o rosa do anelar eu adicionei o Framboesa, da Guga, que é um rosa meio magenta meio neon, na mesma proporção que o azul. Qualquer rosa forte deve ficar bom.

Para o dedo do meio eu adicionei o Club!, da Impala, na mesma proporção que o azul.

Na misturinha do snowcone eu coloquei metade da quantidade de azul, ou seja, se foram 10 gostas de azul eu coloquei 5 de roxo. A misturinha definitiva ficou assim:

Misturinha sem flash, à noite

Misturinha sem flash, à noite

Misturinha na luz do sol

Misturinha na luz do sol

Ah, ficou bonitinha, vai??? Eu não tenho o Snowcone de verdade (óbvio, se tivesse eu passaria ele mesmo, não faria misturinha), mas pelo o que eu vi ficou parecido, faltando só um pouco mais de fundo lilás. Mas como eu achei que assim ficou fofa eu nem mexi, quem sabe da próxima? 🙂

Uuuuuuuuuuuuuuuuufa, que post imenso!

Espero que tenham gostado!

Sandrinha =**

Read Full Post »

Olá, Frazets!

Desculpem pelo sumiço, Bruh e eu estamos finalizando a faculdade (cada uma com seu curso, que de tão distintos causa espanto) e cês imaginam a loucura, né?

Sábado passado eu tive uma vontade louca de fazer nail art temática da copa. Essa é a primeira copa que eu acompanho (até que é divertido usar maquiagem verde e amarela), e corri pra comprar aquele kit Impala da Copa, mas pffff, nem sombra! Comprei então o esmalte Amarelo Real da Risqué e o Verde da Impala. Passei verde em todas as unhas exceto no anelar, que passei amarelo. Aí vem a parte interessante. Meu namorado-coisa-mais-fofa-do-planeta fez a bandeirinha do Brasil no anelar pra mim! Nhóóóóóóóóó ^^

Nail Art brazuca

Nail Art brazuca

São três camadas de verde e duas camadas de Amarelo Real (ele não cobre bem), e pra fazer o losango ele cortou uma pontinha triangular de durex mesmo e eu passei uma camada só do verde, daí a “transparência”. O azul é o Celeste da Mohda e as estrelinhas ele pacientemente colou glitter por glitter de um esmalte que eu não lembro o nome, mas sei que é Top Beauty. Fala se não é um amor de namorido? 😀

A parte interessante dessa disposição da bandeira nas unhas é que se juntar fica assim:

Bandeirinha do Brasil

Bandeirinha do Brasil

Ah, fala se não ficou bem legal? É fácil de fazer, eu diria que pra leitora não tão jeitosa assim (tipo eu) passar um glitter no azul substitui bem as estrelinhas. Se não quiser arriscar não tem problema, fica ótimo só com o azul mesmo! Top coat nesse caso é indispensável pra evitar “degraus” na unha.

Ufa, post longo!

Espero que tenham gostado, e se tiverem alguma dúvida de como fazer comentem que eu respondo!

Sandrinha =**

Read Full Post »

Olá frazets!

Ufa, acabou a correria mor do fim do curso! A Bruh tá nessa correria frenética também, daí a escassez de posts. Mas hoje eu arrumei um tempinho pra falar da coleção da Impala!

Impala vidrinhos

Royal, Saia Justa, Maria Flor, Boneca de Luxo, L'amore, Madame, Café Café, Chocolamore, Café Creme, Nude Clássico, Santo Luxo, Paparazzi

Na foto não dá pra ver o nome dos esmaltes, mas a cor tá bem fiel.

São lindos? São. Todos? Não. Muitos são parecidíssimos com o que  já temos em nossas frazqueiras (heh) mas os que não temos… Ah, esses sim são fodas! Desculpa, mas são mesmo 😀

Saia Justa, Maria Flor, Boneca de Luxo, L'amore, Madame, Café Café, Chocolamore, Café Creme, Nude Clássico, Royal

Sim, eu passei o Nude clássico! Quase não se nota, mas ele está lá. Pra quem gosta de nude ok, é bacaninha, mas eu prefiro uma coisa mais indiscreta. Os três primeiros se eu não tivesse a foto de cima pra colar jamais saberia qual é qual, eles são realmente parecidos. A foto tá meio estranha, eu passei uma camada só porque na verdade esses esmaltes foram presente e eu não resisti e passei =D Mas eu juro que foi uma camadinha só em cada dedo!

Eu comprei pra mim o Santo Luxo e o Paparazzi, e no mesmo dia passei o Santo Luxo. Só que a jumenta aqui esqueceu de fotografar antes de tirar e passar esses (daí as unhas levemente manchadas), então fica pra próxima 😀

Parte desagradável de verdade da coleção.

Oh não! D:

Ói qui belezura de pincel! O meu Paparazzi também veio assim, sei lá se é na pressa de lançar, se eu dei azar com o lote… Sei que pô, pincel descabelado não rola! Shame of you, Impala.

Resumão: pra mim, o que realmente vale a pena é o Santo Luxo e o Paparazzi. Pra quem gosta de cores discretas eu recomendo o L’amore. Pra quem tem 200 anos e quer arrasar no bingo vá de Madame. Pra quem quer um genérico do Particulière da Chanel, Café Creme é o seu esmalte. O resto é basicão.

Em breve (juro) resenha dos foscos da Mohda!

Beijos gateenhas!

Sandrinha =**

Read Full Post »

Oiês!!!

Passando rapidão pra mostrar o Club! da coleção neon da Impala. Honestamente foi o único que me interessou, não vi nada de ooooooh nos outros. Ok, são neons, inovadores e tal, mas ah, não sei, achei meio besta. Vai ver é porque a moda já passou XD

Enfim, eu passei e achei horroroso. O fosco dele não é bonito, é um fosco… fail. E o que nós fazemos quando o esmalte não tem a cara que a gente deseja? Cobertura avon nele!

Impala Club!

Impala Club! e cobertura roxa da Avon

Aí sim, ficou beeeeem bacana! Mais uma pra ver melhor:

Impala Club!

Já ouviu falar de removedor de esmaltes? XD

A foto não tá fiel porque é neon e blablabla, além de cada monitor ser de um jeito e trololó, mas dá pra ter uma ideia que ele é super vivo. E dá pra ver também que mesmo com a cobertura ele não ficou com aqueeeeele brilho, mas putz, perto do que ele é sem top coat assim tá impressionante!

Ah, a durabilidade é horrenda. Na minha mão esmalte nenhum lasca, e esse aí lascou em 3 dias. =(

E mais uma vez, palmas pra cobertura roxa!!! \o/

Beijo a todas! =**

Sandrinha

Read Full Post »

Oiê!

Vários esmaltes atrasados pra mostrar para vocês, viu?

Isso porque a minha fila de esmaltes está tipo a do INSS, tendendo ao infinito… Como faz?

Hoje vou mostrar o Afrodite, que já estava na fila há quase um ano.

Ganhei ele e mais alguns lançamentos de verão da Impala na Beauty Fair 2009, que foi um dos eventos mais prazerosos que eu já fui! Tanta gente e todo mundo vivendo aquilo que a gente vive! Todo mundo falando a mesma língua, curtindo a mesma vibe, ADORO!

Falemos do Afrodite!

Fotinho no sol porque acho ele super Barbie vai à praia 😀

Um rosinha fofo, ligeiramente queimado, com brilhos prateados que eu AMO. Sempre achei esses brilhinhos da linha gloss da Impala um luxo e com essa cor rosada, acho que super ornou 😀

A textura da linha gloss é outra coisa pra amar. Eles são muito fáceis de passar, só para tirar os cantinho que é mais chatinho: você tira o esmalte mas ficam pontos prateados por todos os lados hehehehe

O que eu também gosto dessa textura é que ela super disfarça as bolinhas de verão, que eu já desisti de tentar eliminar… Na foto acima não dá pra ver nada, mas se você passasse a mão sobre o esmalte, as bolinhas fariam massagem nos seus dedos…

E dura viu? Gosto da linha gloss pra ir à praia, porque ele não sofre com mar e areia, sabem? Minhas unhas vão e voltam do litoral inteirinhas sempre, fica a dica 😉

Tem preconceito com cintilância? Dê uma chance pro gloss porque o conceito é diferente, quem sabe vocês num vão amar, como eu, hã?

Se cuidem sempre, viu?

:}

bruh*

Read Full Post »

[post dramático detected]

Assim que eu, freqüentando o Mão Feita, me tornei uma esmaltrólatra, comecei a notar que meu olho coçava sempre que eu fazia a unha. Nem dei bola, afinal, eu sou alérgica à tudo mesmo, então poderia ser alergia a muitas outras coisas, não ao esmaltes que eu sempre usei sem grandes problemas.

Daí que não era mais só uma coceirinha no olho, ele estava inchando. Haviam também sinais de alergia no pescoço, onde apareceram uns hematomas roxos muito feios, que pareciam outra coisa, se é que vocês me entendem.

Fui ao google e ele me disse que eu estava com sintoma de dermatite de contato que, segundo ao próprio google, é uma reação inflamatória que pode ser ocasionada por qualquer tipo de substância.

Daí eu fiquei esperançosa: pode ser qualquer coisa! Não precisa ser o esmalte né? Cortei hidratantes, tônicos, mudei de sabonete e tudo o mais. Nada feito, manchas roxas que coçavam e olho que inchava sem retroceder.

Ok, era tempo de uma medida extrema: vamos suspender o esmalte. Em dois dias os olhos desincharam, o pescoço voltou a ser branco e eu tinha o veredicto cruel da alergia a esmaltes.

Fui à minha médica que pode ser incluída entre as minhas melhores amigas, e perguntei, toda cheia de mim:

– Doutora, estou com alergia a esmaltes… Por quanto tempo eu vou ter que suspender o uso? Tipo um mês?

Ela olhou pra mim com um ar risonho e respondeu:

– Não. Você vai ter que suspender para sempre. Só esmalte hipoalergênico daqui pra frente.

– Mas, mas doutora! Eu sempre usei esmaltes, como posso ser alérgica a eles?

Cheia de paciência ela me explicou:

– São raros os casos em que você nasce com uma alergia. Na maioria das vezes, seu corpo desenvolve intolerância a algo com o qual ele tenha muito contat0.

Fiz cara de tô-nem-aí e minha melhor pose de forte e fui pra casa, pensando no que fazer com meus pra lá de cem esmaltes, grande parte sem NUNCA terem sido usados…

Daí surgiu a Angel do MRPB e me deu uma luz. Mas pensa naquele holofote de potência máxima?! Ela me ensinou um truquezinho: passar base hipoalergênica antes de depois do esmalte, isolando os compostos que causam alergia.

Num é genial?

Fui atrás de um top coat hipo, mas só achei a base incolor hipo da Impala que, mesmo assim, foi ansiosamente comprada para eu já começar a testar!

As letrinhas do rótulo prateado se apagaram de tanto que eu a uso!

Em resumo: o truque funciona e muito bem; nenhuma alergia identificada usando essa base como isolante.

Mas nada é perfeito e se fosse perderia a graça, então vamos ao ponto contra: ela demora HORRORES pra secar. Tipo horas, manja? E também não mata as bolinhas como os top coats roxinhos fazem, ela só dá um brilhinho no esmalte, mas que é um brilhinho super bem vindo em esmaltes tipo Big, por exemplo….

No final, aprendi a lidar com a minha alergia e percebi que se eu tivesse ido à dermatologista no primeiro sinal de irritação, teria evitado muita chateação e talvez a minha alergia não tivesse se tornado tão forte.

:}

bruh*

Read Full Post »